sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Rio Open contará com programação cultural intensa |

Rio Open contará com programação cultural intensa |: O Rio Open acontece de 19 a 25 de fevereiro, no Jockey Club Brasileiro. A abertura dos portões será às 15h, de segunda a quinta, às 14h na sexta, e às 15 horas no sábado e domingo.

quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

UniCarioca inaugura uma nova unidade no Méier

UniCarioca inaugura uma nova unidade no Méier: A expansão da instituição na região é reflexo da alta demanda de jovens estudantes moradores da Zona Norte. O novo prédio será o quinto espaço do centro universitário no bairro O Centro

domingo, 28 de janeiro de 2018

CALENDÁRIO ESPORTIVO 2018

http://www.abcdoabc.com.br/brasil-mundo/noticia/principais-competicoes-calendario-esportivo-brasileiro-fevereiro-dezembro-60385

Por que ainda não incluímos todas as crianças com deficiência?

http://educacao.estadao.com.br/blogs/de-olho-na-educacao/por-que-ainda-nao-incluimos-todas-as-criancas-com-deficiencia/

Comitê Paralímpico Brasileiro anuncia Seleções de 2018

http://www.bestswim.com.br/2018/01/20/comite-paralimpico-brasileiro-anuncia-selecoes-de-2018/

Quem já assistiu o filme A teoria de tudo??

Foto de Aprenda A Ser Um Deficiente Contente.


Acessibilidade arquitetônica para pessoas com deficiência motora nas academias de florianópolis

https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/181894

Título:Acessibilidade arquitetônica para pessoas com deficiência motora nas academias de florianópolis
Autor:Barros, Tais Helena Medeiros de
Resumo:Existem diversas dificuldades no dia-a-dia de uma pessoa com deficiência motora que contribuem para um quadro de exclusão, as quais podem ser categorizadas como barreiras naturais, barreirais sociais ou barreiras arquitetônicas, sendo essa última o objeto de estudo do presente trabalho. Portanto, o objetivo foi avaliar a acessibilidade arquitetônica das academias nos arredores do campus Trindade da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), com base nas normas 9050 da ABNT. O estudo avaliou e analisou parâmetros da arquitetura de 9 academias utilizando uma listagem de requisitos visando a entrada e permanência de pessoas com deficiência motora nestes estabelecimentos. A lista de requisitos foi dividida em quatro grandes categorias: 1) parâmetros antropométricos (contendo cinco itens); 2) acesso e circulação (contendo três itens); 3) vestiários e banheiros (contendo três itens); 4) mobiliário urbano (contendo um item). Os resultados gerais desse estudo foram: duas academias obtiveram pontuação máxima, uma academia obteve pontuação igual a onze, três academias obtiveram pontuação igual a oito, uma academia obteve pontuação sete, uma academia obteve seis e uma última academia obteve quatro pontos. Conclui-se que a maioria das academias avaliadas, mais precisamente seis (6), não são acessíveis apresentando níveis de barreiras moderadas e graves.
Descrição:TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Desportos. Educação Física - Bacharelado.
URI:https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/181894
Data:2017-12-08

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

atletismo-web-23-11ok

atletismo-web-23-11ok

http://e-proinfo.mec.gov.br/eproinfo/academico/acessar_modulo/acessar_modulo.htm?idUg=cripto%3A%258F%255D%25A8%25B0%25F9%250A%257B%25F7&